Segundona chegou à era da Montanha dos Vinhedos

“É mais difícil vencer a Série B do que a primeira divisão!”. Quem convive com o mundo esportivo, já ouviu essa frase. Num primeiro momento, pode soar estranho. Afinal, é na Série A que estão os jogadores mais qualificados. É na primeira divisão que estão os clubes mais ricos.

Mas na Segundona, as dificuldades vão além de um adversário cheio de craques. É preciso também desviar dos buracos do gramado e ter coragem para entrar num estádio onde a segurança é precária. É imprescindível vencer batalhas capitaneadas por jogadores como Darzone e Aládio, onde as boas jogadas de Lauro, Camazzola e Éder Ceccon podem ser encaradas como provocação.

O alviazul já enfrentou essa penumbra em boa parte da sua história. Mas dessa vez será diferente. Se com ferro for ferido, da mesma arma o alviazul não poderá vingar-se. A Segundona, queira ou não, chegou à era do Complexo Esportivo Montanha dos Vinhedos. O lendário Estádio da Montanha, onde a camisa alviazul pesava tanto quanto a do Grêmio e do Inter, não existe mais.

Para voltar ao convívio dos grandes, o alviazul montou um time à altura do estádio que possui. Com dirigentes conhecedores do futebol – alguns integrantes da fase dourada do Esporte Clube Juventude – o clube teve certa dose de sorte e conseguiu formar um elenco bom com pouco investimento. Um time que ao invés de dar balão, domina a bola no gramado e sai jogando, pelo menos em condições naturais, diante do seu torcedor, num daqueles gramados que se confunde com um tapete verde. Em Bagé, Garibaldi, Carazinho ou Rio Pardo, será preciso encarar os Aládios e Darzones.

José Oro foi vice-presidente de patrimônio do alviazul entre as décadas de 70 e 80. Fez parte do clube no maior ano da sua história, 1979, quando o Esportivo chegou ao vice-campeonato estadual. Em 1980, porém, José Oro também era dirigente quando o alviazul caiu à Segunda Divisão. Se num momento o Esportivo orgulhava-se de ser um dos principais times do Estado, noutro o clube se viu na humilhação de ter que cortar a grama de um estádio em Osório para poder jogar.

– Chegamos em Osório no sábado para enfrentar o Grêmio Pratense Pedro Osório no domingo. Quando chegamos lá nos assustamos. O campo não tinha gramado, mas sim mato. Não tivemos outra opção, a não ser pegarmos a maquina e cortarmos o matagal, porque se dependesse apenas deles, jogaríamos no mato mesmo -, lembra José Oro.

Para ele, o Clube Esportivo terá que se adaptar a uma situação nova, já que todas as vezes em que disputou a Segundona, sediou os jogos na antiga Montanha, com o bafo do torcedor na nuca do adversário.

– O torcedor ainda não se acostumou com a Montanha dos Vinhedos. Ele se sente meio deslocado, porque o estádio é longe, o campo é longe da arquibancada. É uma realidade nova para o clube. Na antiga Montanha o torcedor ia ver os jogos a pé, de chinelo. A Montanha velha era a segunda casa do torcedor -, conta.

José Oro salienta, entretanto, que independente de estádio, só há uma forma de superar o limbo da Segundona: amor à camisa.

– A direção do Esportivo está organizada, quer de qualquer maneira subir já no primeiro ano. Mas para obter êxito num torneio como esse, é fundamental que os jogadores tenham amor à camisa. Eles precisam entrar em campo e jogar pelo clube. Hoje em dia tem muitos atletas que são indiferentes ao clube. Eles não querem saber se perderam ou ganharam. O que importa é o salário no final do mês. O Esportivo montou um elenco qualificado, com bons jogadores que podem ajudá-lo a subir. Mas antes de qualquer coisa, precisam ter amor a camisa que vestem -, conclui o ex-dirigente.

Lendário Estádio da Montanha foi decisivo nos acessos do alviazul à primeira divisão ao longo da sua história

 

João Paulo Mileski

Anúncios

18 Comentários

Arquivado em Blog da Corneta

18 Respostas para “Segundona chegou à era da Montanha dos Vinhedos

  1. Nostalgia…

    Esse é o sentimento que esse texto nos transmite.
    Nos remetemos aos lendários jogos da Montanha, onde virar contra o Santa Cruz, o XV de Campo Bom nos últimos minutos, ou jogar de igual para igual com a dupla Grenal, e sufocar a dupla CAJU era normal. Dividir a arquibancada com os Pentacolonos também…

    Agora temos a obrigação de fazer o clube colocar essa pressão nos adversários na Montanha dos Vinhedos, se não for pela proximidade do campo, pela grandezado estádio, do clube e da torcida que deve se fazer presente, agitar, invadir Garibaldi, Farroupilha…

    Suadações Alvi Azuis, e Feliz 2011.
    Abraços.

  2. Dartagnã

    Otimo texto!… Excelente “entrevista” com o Oro. Essas pessoas têm historias que sequer imaginamos que o Esportivo poderia ter passado!!!

    Mais dessas serão muito bem-vindas por aqui!

    E vamos pra segundona com tudo! Invadir os jogos fora.. tem que ser sempre no minimo um onibus aqui perto!!!

  3. Corneta Alviazul

    Esse é o blog que eu conheço. Ótima postagem.

    Como já comentaram, a torcida alviazul tem de ser o referencial do clube em 2011, seja em Bento ou fora de casa. Eu, pelo menos, quero me fazer presente também em cidades como Garibaldi, Farroupilha, Sapucaia do Sul, entre outras. Espero que a direção do Esportivo invista na torcida.

    Há anos que uma direção não dá suporte para os torcedores do Esportivo, especialmente aos membros da Fúria. Nem lugar fixo no estádio a torcida passou a ter, algo lamentável. Vale lembrar que nos jogos fora de casa, muitas vezes, nem revistavam os torcedores alviazuis, tamanho é o respeito por nós, que definitivamente não somos marginais.

    Outra coisa: Não vejo mais razão de a geral inteira ser destinada à torcida visitante. Aquele espaço poderia ser aproveitado por torcedores do Esportivo que são adeptos ao local.

    No mais, estamos todos aqui por um bem comum: o Esportivo. Que 2011 seja um ano de glórias. Avante Tivão!

  4. giovani mosconi

    é verdade
    esses caras tem história a contar
    que reportagem de alto nível amigos do blog
    é clero que sou do tempo que segundona era na montanha onde o bafo no cangote do bandeirinha era a arma principal mas semrpe o que nos fez vencer esses adversáris foi a raça dentro de campo não inporta o estádio
    diretoria tem que dar suporte ajudando nos onibus pra vermos jogos fora de casa e lotar os estádios adversários.
    Avante esportivo rumo a série A 2012.
    To esperando a tabela da segundona para ver os jogos e datas para me programar

  5. Giovani

    eu tenho uma dúvida: a parte administrativa da Montanha dos Vinhedos foi passada pra “frente” do estádio não foi? Se não foi , esse era o planejamento.

    mas se realmente for passada pra frente, como que a geral será destinada aos visitantes? vai me dizer que um tortéi vai ver uma sala escrito DIRETORIA e vai passar em branco?

    acho que faz parte do planejamento destinar o cimentão ao torcedor alviazul, que é sem dúvida alguma o melhor lugar pra se ver o jogo.

    e sobre os jogos fora, poderia ser feito como foi esse ano no jogo contra o A$$i$ F.C. no Lami em POA, se não me engano foi 10 ou 15 reais o ingresso + ônibus. Eu lembro que tinha mais de 50 pessoas lá em POA, fácil.

    • giovani mosconi

      em porto foi o seguinte
      60 pessoas lá e eu entre eles
      uns 35 de busão que a diretoria pagou, ou seja só pagamos o ingresso q foi 15 pila.
      E o resto veio de carro inclusive o cobalchini e alguns que moravam em porto alegre que vieram nos prestigiar
      o paulo
      vira vidente caralho e vai dar palpites em veranópolis

  6. PAULO

    TO AI, DENOVO!!!!

    É PRECISO MONTAR UMA EQUIPE QUE TENHA ALGUMA QUALIDADE TÉCNICA OU VAMOS PASSAR MAIS UMA VEZ DE DIVISÃO, PARA A TERCEIRA DIGA-SE DE PASSAGEM.
    O CAMPO DA MONTANHA NOVA É PARA TIMES QUE VALORIZEM A POSSE DE BOLA, COM MEIAS E VOLANTES MODERNOS QUALIFICADOS NO PASSE, ZAGUEIROS DE RAZOAVEL TÉCNICA, TIMES QUE SEJAM COMPACTOS SEM A BOLA.
    NÃO AQUELA VARZEA QUE O CELSO FREITAS MONTOU NO CAMPEONATO PASSADO E O TURRA COLABOROU QUANDO CHEGOU, UM TIME SEM ESQUEMA, SEM MODELO DE JOGO TÁTICO SEM TREINO QUALIFICADO ( TAMBEM, ERA SÓ COLETIVO E RACHÃO E PIADAS NO VESTIÁRIO) AI FOI AQUELE HORROR QUE O TIO AQUI PREVIU VOCES DEVEM LEMBRAR E ETC…
    ESPORTIVO TEM QUE TRAZER JOGADORES COM ESSE PERFIL, CASO CONTRÁRIO VAMOS NOVAMENTE MUDAR DE DIVISÃO.

    COMECEM A REZAR GRINGAIADA…. , O CENÁRIO É DE TRAGÉDIA A VISTA.

    E OLHA QUE NÃO TENHO ERRADO MINHAS PREVISSÕES LAMENTAVELMENTE.

    VOLTAREI !!!!!!!!!!!!!!

    • Luiz Antonio

      Eu to que não aguento mais esse Paulo já sei até quem ele é, só não posso falar se não tenho provas mais completas, ele esta enfiltrado dentro do clube tenho certeza disto, ele ta sempre lançando coisas no ar que depois acabam acontecendo, de uma coisa eu sei ele ta torcendo contra e se diz torcedor.
      Quero ver ele quebrar a cara com estas últimas declarações vou estar acopanhando pra ver se ele acerta denovo.

      ve se para de secar e torcer contra traíra filho d….

  7. Anônimo

    O pior é que esse viado não erra uma mesmo.
    vai se danar Paulo bixa

  8. PAULO

    VOLTEI RÁPIDO!

    TAVA LENDO OS COMENTÁRIOS DOS OUTROS TORCEDORES E EM RELAÇÃO O ESPORTIVO TER O MELHOR GRUPO DE JOGADORES DA SEGUNDONA, ISSO NÃO CONDIZ COM A VERDADE, ENTÃO VOU LANÇAR AQUI A LISTA DE FAVORITOS A SUBIR PARA A PRIMEIRA DIVISÃO NO ANO DE 2012, ISSO BASEADO NA INFORMAÇÕES E CONHECIMENTOS QUE TENHO DAS OUTRAS EQUIPES; AI ESTÃO NO MEU PONTO DE VISTA AS FAVORITAS;

    1- BRASIL DE FARROUPILHA
    2- BRASIL DE PELOTAS
    3- CERÂMICA
    4- AIMORÉ
    5- AVENIDA
    6- GLORIA

    ESTÃO AI OS FAVORITOS, O TIVO QUE TRATE DE MELHORAR O SEU GRUPO DE JOGADORES OU VAMOS APENAS LUTAR PARA NÃO CAIR PARA A TERCEIRONA.

    E OLHA QUE TENHO ERRADO POUCO

    • Guto

      To gostando, uma diretoria interessada, um treinador com alguma bagagem, um elenco até o momento que cria uma espectativa boa. Tem tudo para dar certo neste ano. Sabe-se que um campeonato como esse, tem um grau de dificuldade grande e que alem da tecnica deve-se ter um preparo fisico muito bom e neste aspecto tbm estamos muito bem servidos, temos um preparador com grande liderança, que interage bastante com os jogadores, tanto que ja trabalhava com alguns antes da temporada começar, este é de verdade…

      • WW

        Treinador com bagagem…..rsrsr. que bagagem Guarani de Camaquã, isso é bagagem, do resto pelo que sei ele só foi gerente de futebol….a desculpe lembrei, do Avenida também ele foir treinador, e tentou derrubar o gerente de futebol quando ja estava caindo para a segundona e foi demitido, estranho porque será o Aveninda preferiu mandar ele embora e segurou o gerente de futebol,….aliás e nosso gerente de futebol, que experiência tem em time profissional, pelo que sei, só foi treinador das categorias de base e gerente das categorias de base também, e aliás, a base do juventude está muito bem, e porque demitiram ele então…..muito estranho né…mas espero que eles queimem minha lingua, torço pelo Tivo acima de tudo.

  9. carlos brun

    o meu medo é que estamos falando muito
    de time que vai subir certo.
    de favoretismo
    é muita alegoria
    soubemos das dificuldades que vamos encontrar
    vamos ser mais umildes
    correr por fora
    essa é minha opinião
    não sei se estou certo
    mas vamos torcer e ajudar

  10. Corneta Alviazul

    Quando que vai rolar um encontro entre a galera que comenta aqui no blog, na Montanha?

  11. Alfredo

    Q saudades de um jogo na montanha………….

  12. Antonio

    está chegando a hora,vamos jogar no” LIMBO DAS ALMAS PENADAS”

  13. Antonio

    Corneta,vamos nos encontrar no primeiro amistoso que o tivão fizer esse ano?

  14. Bruno Mezzadri

    No primeiro amistoso do Tivo quero ser o primeiro a me colocar na arquibancada! Antes de alguém ler o meu comentário na outra matéria e dizer que sou um secador, quero deixar bem claro que sou um CRÍTICO torcedor REALISTA! E fico muito p…to mesmo quando vejo as cag…das que fazem no Clube. Gente, 2011, século XXI… só falta o Esportivo se atualizar! Gostaria de deixar um recadinho, pra quem servir o chapéu: ERRAR É HUMANO, REPETIR O ERRO É BURRICE… O clube está repetindo o mesmo erro ano após ano… e o pior é que quem deveria enxergar NÃO ENXERGA, ou se faz de cego (ou de porco vesgo, como diz o ditado!)…
    Nesse ano, quero vibrar com gols! Quero poder voltar para casa do jogo recompensado por ser torcedor alvi-azul! Vamos Esportivo, vamos a luta!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s