A fé

O nosso padroeiro da cidade, Santo Antônio, certa vez pregou sua palavra aos peixes. Reza a lenda que um povo não queria escutar o santo, dando-lhe às costas. Assim Santo Antônio vai até a beira do rio e chama os peixes, já que as pessoas não lhe dão ouvidos. Daí, aconteceu o milagre: multidões de peixes aproximam-se para ouvi-lo com a cabeça para fora da água. Os hereges ficaram tão impressionados, que se converteram.
O torcedor alviazul, por sua vez, também deixou de lado sua fé. E só um milagre (que seja de Santo Antônio) para o Esportivo escapar do inferno para que todos possam dormir tranquilos. Caso contrário,haverá um calvário a cumprir em 2011. Pelos  pecados, sendo o número 1: o povo de Bento abandonar um ícone de sua própria terra.

Gustavo Bottega (coluna Na Área deste sábado – Jornal Semanário)

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Blog da Corneta

Uma resposta para “A fé

  1. giovani mosconi (o paraguaio)

    eh
    com santo ou sem santo o importante é que temos que ganhar e depois se tudo der certo vamos comemorar.
    talvez a sugestão do valdugão dê efeito

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s